Entidade denuncia Brasil na ONU por 'risco de genocídio' de povos indígenas

As ameaças e mortes da população nativa nos últimos anos são os alvos da denúncia


O Conselho Indigenista Missionário apresentou denúncia, em reunião do Conselho de Direitos Humanos da ONU, em Genebra, contra o Brasil por "risco de genocídio" no caso dos povos indígenas. O governo brasileiro ainda pondera se vai dar responder à acusação.

A entidade aponta que houve uma "profunda extinção" dos nativos, que passaram de 4% da população brasileira para apenas 0,4% no último século.



https://www.primaveranoticias.com/2017/09/a-vida-boa-da-carmelita-acabou-quando.html


As ameaças e mortes da comunidade indígena nos últimos anos são os alvos da denúncia, a exemplo do caso dos Guarani-Kaiowá.

De acordo com o Cimi, o quadro cumpre pelo menos sete fatores e 16 indicadores estabelecidos pela ONU para designar um genocídio.
Compartilhe no Google

Adenilton Cerqueira

Adenilton Cerqueira é diretor de conteúdo do Portal Black Brasil, curador digital e produtor de conteúdo especializado em questões étnicas. Bastante contestador ele é consciente do seu propósito e exerce sua liberdade por meio da escrita. Contato: revistaafrobahia@yahoo.com.br