Pelé que rejeitou a filha no leito de morte agora está com problema grave de saúde

Pelé vive em casa desde o ano passado e tem dificuldades para andar.

Desde o ano passado, quando chegou a aparecer em uma sacada com a tocha olímpica, Edson Arantes do Nascimento não é visto em público.

Pelé já havia cancelado em março uma visita à Rússia onde seria homenageado antes do amistoso entre a seleção da casa e o Brasil pelos 60 anos de sua estreia em Mundiais.

Mas então, o que aconteceu com o Rei do Futebol? O público esperava para ver como estava o atleta após muito tempo sumido.

Pelé doente
Como mostra uma reportagem do jornal ‘O Globo’, Pelé não está mais conseguindo andar. Ele não consegue fazer pequenos percursos nem mesmo quando utiliza uma bengala.

O problema da saúde de Pelé, coisa que pode acontecer com qualquer pessoa, no entanto, fez com que as pessoas lembrassem de um polêmico episódio envolvendo ele no passado.

Para quem não sabe,  ex-jogador não quis conhecer sua filha, Sandra Arantes, nem mesmo em seu leito de morte.

Sandra apenas conseguiu provar na justiça que era filha do ex-jogador, mas acabou falecendo de câncer em 2006.

A mulher que chegou a ser até vereadora ficou conhecida por ir em programas de televisão falando que seu sonho era conhecer o pai.

Apesar de ter se negado a conhecer a filha, em 2006, quando ela faleceu, Pelé enviou uma coroa de flores no nome de uma de suas empresas.

Sandra tinha dois filhos. Pelé só viu os netos uma vez, em 2011. Também não quis mais contato.

Os dois tentaram a sorte no futebol. Jogavam nas categorias de base do Paraná Clube. Foram ‘adotados’ pelo empresário Vagner Ribeiro.

Milionário, ele descobriu Robinho, Neymar, Lucas e dezenas de outros jogadores.

O ex-atleta já passou passou por uma cirurgia no quadril mal sucedida.

Na ocasião, muitas especulações foram feitas, até de que teria sido por um erro médico.

Na sua opinião, o estado de saúde de Pelé vai melhorar? Deixe seu comentário. A sua opinião sempre é importante para todos nós e ajuda no diálogo.

Campanha de assinaturas solidárias da Black Brasil. Veja como apoiar

 
Black Brasil © 2006 - Mostrando o que a grande mídia não vê - Whatsapp (71) 99249-7473 -